O desafio da liderança é pessoal

Quando um profissional passa a ser líder, o primeiro desafio é ele se promover. Não estou dizendo que o “novo líder” precisa contratar uma assessoria de imprensa, e sim, que ele precisa olhar de outra maneira a forma de usar o seu tempo, e reconhecer as ações prioritárias e que não devem ser delegadas. O desafio da liderança começa com duas perguntas: Quais as principais características de um líder? Quais comportamentos refletem a prática de uma liderança eficaz?


Peter Drucker, considerado o pai da administração moderna, destaca quatro características que observou em executivos, gestores e alunos. São essas as palavras-chave: seguidores, resultado, exemplo e responsabilidade. Segundo Drucker, “O líder é alguém capaz de fazer com que os outros o sigam, sendo principalmente esta o tipo de habilidade que melhor o descreve. O líder eficaz não é alguém que se adore ou se admire. A qualidade da liderança não se mede pela popularidade que gozam, mas pelos resultados que ele consegue produzir. Os líderes estão em grande evidência. É por isso que lideram pelo exemplo. A liderança não é uma questão de classificação, de privilégios, de títulos ou de dinheiro. É uma questão de responsabilidade”. Essa responsabilidade é avaliada pelas decisões que o líder toma. Boas decisões geram credibilidade e a confiança mutua passa a existir entre o líder e o liderado.

Liderar significa um ato involuntário. Os líderes, no geral, estão conscientes da missão que lhes compete. Alinham suas metas com o seu propósito e falam diariamente a sua própria definição de liderança. É necessário que as pessoas conheçam a causa e a sua percepção sobre o que é liderar. Consistência gera credibilidade e a partir daí, a influência se estabelece. O nível de eficácia do líder é estabelecido a partir da melhor ou pior percepção que os seguidores possuem a respeito dele.

Como ser um líder eficaz? Acredito que o ponto de partida é o autoconhecimento, o desenvolvimento da liderança é, em última análise, um autodesenvolvimento, portanto, o desafio da liderança é pessoal. Busque ser um líder moral. Tenha um interesse genuíno pelas pessoas, principalmente, as da sua equipe. A precisão de conhecimento do outro é uma atitude indispensável ao exercício da influência de um líder. Trate o outro da forma que ele gosta de ser tratado.

Fonte: vocesa.abril.com.br/blog/mochileiro-corporativo/2012/09/19/o-desafio-da-lideranca-e-pessoal

Share on Facebook0Tweet about this on TwitterShare on Google+0Share on LinkedIn0Print this pageEmail this to someone

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blog Willian Rodrigues

Receba as atualizações do blog no seu e-mail