Empresas brasileiras adotam semana de 4 dias e relatam ter mais bem-estar e eficiência

Mais de um século desde a adoção da semana de cinco dias de trabalho pelo americano Henry Ford, que virou regra no mundo todo, um novo modelo com apenas quatro dias de atividades começa a ser testado, com resultados positivos.

No Brasil, companhias que instituíram a nova jornada veem melhorias de eficiência, bem-estar dos trabalhadores, retenção de talentos e até aumento de receitas. Por ora, a mudança tem sido adotada mais pelas companhias de tecnologia.

CVM volta atrás e desarma a ‘bomba’ nos FIIs

A sanidade voltou.

A CVM reconsiderou sua controversa decisão de janeiro, e os fundos imobiliários estão liberados para distribuir rendimentos a partir do lucro no regime de caixa.

Na decisão anterior, a CVM havia determinado que os fundos imobiliários só poderiam distribuir rendimentos quando apresentassem lucro contábil, o que causou consternação na indústria. Hoje, o colegiado da CVM reconsiderou a decisão por unanimidade.